Primeiro dia no FISL15

Além de me desdobrar para conseguir trabalhar nos intervalos do primeiro dia de FISL (7/maio), eu participei de uma oficina incrível: a RodAda Hacker.Image

Já falei dela aqui no blog, mas nunca é demais repetir, é uma oficina de programação focada nas mulheres, onde elas contam com suporte de mentores para no final do dia saírem se sentindo empoderadas pela tecnologia! Lindo e maravilhoso né!? Cheguei para dar uma espiadinha, tirar fotos e contar aqui para vocês e não é que virei mentora? AMEI a surpresa! Foi incrível, já tinha participado de uma edição em São Paulo e foi muito bacana poder colaborar de novo com a RodAda Hacker que eu tanto admiro!

A oficina começou com pequenas talks super informativas. A Vanessa Tonin falou sobre as diferenças entre Web e Internet, deu um apanhado histórico sobre a WWW (World Wide Web). Depois foi a vez da Iris que em 10 minutinhos fez todo mundo entender para que CSS serve. Logo em seguida, a Soraia dividiu conosco a sua experiência com empreendedorismo e como a tecnologia pode mudar drasticamente a sua realidade (para melhor claro!!). Por fim a Fernanda, falou um pouco sobre as diferenças entre web design e design e esclareceu muita coisa para as meninas!

Image

Depois das talks fomos para a fase de grupos, no total éramos 45 participantes e 9 mentores nos dividimos em 5 grupos e aí foi só felicidade. As meninas arrasaram e os mentores também, elas trabalharam muito e fizeram coisas incríveis. Olhem aí algumas fotinhos das apresentações. Os grupos fizeram sites estáticos, jogos e apps….tivemos grupos para todos os gostos!

Queria agradecer a Nessa Guedes, que é parceira de luta, carreira e ideias, que organizou a rodada e fez uma talk final super motivadora para as meninas que saíram da oficina capazes de dominar o mundo! : )

Image

Outra atividade super bacana foi a palestra da Fernanda Weiden, uma gaúcha que trabalha no Facebook e tem uma história incrível, e veio dar 10 coisas que temos que ter em mente quando trabalhamos com sistemas de larga escala, foi bem ilustrador e objetivo. Os 10 pontos explorados foram:

1. Não invente a roda;

2. Tem que ser simples, se não for está errado;

3. Modular é melhor que monolítico;

4. Hardwares falham e desastres acontecem;

5. Fique atento as dependências;

6. Teste, teste, teste;

7. Entregue sempre, entregue agora;

8. Deploy não precisa ser sofrido;

9. Automatize o máximo possível;

10. Não será sempre você que vai cuidar desse software.

Image

Enfim, foi um dia promissor e indicativo para os dias que virão! : )

beijos!

PS.1: Todo mundo entende o significado da palavra Hacker? Na verdade hackear algo é dar um uso diferente para qualquer coisa, tornar uma coisa em algo útil para você! O exemplo super ilustrativo que a Nessa deu foi: eu tenho uma mesa, mas eu quero e preciso de um banquinho, quando eu sento na mesa eu estou hackeando a mesa! Não é lindo? Somos tod@s hackers!

PS.2: As fotos estão melhores, né!? Comprei uma máquina nova para vocês terem fotos melhores…agora só a fotógrafa precisa melhorar! : P

Um comentário sobre “Primeiro dia no FISL15

  1. Diego Dosansil disse:

    Fico contente em ver que o belo e excelente trabalho da Fernanda Weiden, no FISL, teve continuidade e que agora conta com apoiadoras tão contundentes engajadas como você.

    Na 12ª edição do FISL tive a oportunidade de contribuir na divulgação de um curso de Administração de Sistemas para Meninas, e publiquei um artigo sobre a Fernanda na WIkipédia em português: https://pt.wikipedia.org/wiki/Fernanda_G._Weiden

    Parabéns pelo trabalho, espero que a adesão só aumente. 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s