Imigrante Digital

O que significa esse termo na prática?

Por Claudia Nascimento

Imigrante é definido nos dicionários de Língua Portuguesa como “aquele que passa a residir em país estrangeiro.”

Como sabemos, outros países tem cultura, hábitos, horários, comida, idioma, gírias, diferentes do nosso país de origem, onde aos poucos fomos introduzidos em todas essas informações desde nosso nascimento.

Imigrantes digitais, somos os da geração acima de 40 anos que não nascemos rodeados de tecnologia por todos os lados. Exemplo: nossos brinquedos dependiam muito mais de nossa imaginação pra existir do que se mexerem, falarem, andarem sózinhos. Fui ter TV com 6 anos de idade e nem ligava pra ela. Telefones eram raríssimos, a maioria usava os filhos mais novos pra mandar recado. Éramos todos, quase sem excessão, muito magros, porque comíamos pouco açúcar e andávamos o dia todo.

Bem, mas aí as mudanças que antes eram feitas em décadas e dava pra todo mundo se acostumar, passaram a ser tão rápidas que quando os pais conseguiram ter seus próprios perfis no Facebook  e se conectar com parentes e amigos, os adolescentes já quase nem usam Face e estão na terceira ou quarta rede social que nem sabemos o nome.

Sim, imigrar não é fácil e nem simples. Mas somos imigrantes por necessidade, o mundo mudou, precisamos reconhecer e voltar a aprender. Essa semana estava vendo Netflix com meu neto de 4 anos e ele queria assistir Carros que eu não encontrava. Ele dizia: escreve o nome vovó. E eu fiquei olhando para o controle sem saber como encontrar o lugar onde se escreve a busca do filme. Pensei: calma, vamos tentar. Resolvi analisar a tela e o controle. O campo BUSCA na TV é verde, no controle tem uma tecla verde. Bingo!!! Consegui.

Sei que parece rídiculo, mas essas mudanças de atitude tem me feito muito bem pra auto estima, me dado confiança de que posso aprender e reaprender. Em outros tempos teria chamado um filho pra fazer.

Sim, meus companheiros de jornada +50, estamos em outro país, outra cultura, outras formas de comunicação. Nosso país sem telefone celular, sem microondas, sem carros automáticos, sem TVs inteligentes, geladeira frost free, internet, compras online, aplicativos, ….não existe mais. Pelo menos não pra você que está lendo este texto.

Inteligência Artificial está na moda. Tecnologia, também.

Quem me acompanha nas redes sociais sabe que durante esta semana fui ao São Paulo Fashion Week. Vi desfile e tudo! Mas estava interessada mesmo é no stand da Microsoft. WTF? Microsoft no SPFW? WHY?

Sim, pessoal! E se você já é leitora ou leitor do blog talvez você não tenha se espantado tanto, afinal sempre digo por aqui que tecnologia está em todo lugar, mas de fato existe um primeiro estranhamento no fato.

Bom, logo na chegada percebi que era um recorte de ambiente muito diferente do meu, mas que tinha muita personalidade, vi um milhão de estilos e fiquei pensando que não existia qualquer regra por ali… cada um tinha seu estilo e ponto.

Aí cheguei no stand da Microsoft, me identifiquei, tinha câmera, monitor e um laptop. Só. Tinham amigos e uma galera se divertindo com a proposta que eu ainda não tinha entendido bem, mas que tinha como slogan: Inteligência Artificial está na moda.

O Januzzi que é diretor de inovação da Microsoft me recebeu e explicou tudo: usando os produtos de IA da Microsoft, um caracterizador de estilo e um recomendador de desfile foi implementado. Com algumas fotos, em pouquíssimo tempo e com o processamento de um laptop, o programa descrevia toda a sua aparência, inclusive com a sua idade, e com isso definia qual era o seu estilo e se tivesse algum desfile na agenda com seu estilo no dia, ele recomendava! 🙂 Muito amor né?! Amei a solução e fiquei encantada com as novidades de IA da Microsoft!

Mas, o que eu queria contar mesmo foi a minha leitura dessa ocupação de um espaço como moda por tecnologia. E fiquei feliz e triste pelo mesmo motivo: as pessoas que interagiam com a experiência ficavam maravilhadas com a “mágica “. Vou me explicar:

Porque isso é bom: tenho convicção que todos saíram de lá pensando como podiam fazer diferente e repensar tecnologia e, inclusive, moda. Provocou a reflexão da mudança de paradigma e curiosidade em todas as pessoas que interagiram com a ferramenta e não foram poucas.

Porque isso é ruim: todo mundo acha que é mágica. Não consegui ver ninguém querendo saber como funciona de verdade, para maioria ser mágica está bom. Só que na sociedade atual essa falta de literacia digital ainda é muito grande e muito arriscada. Tem um milhão de problemas aí fora no mundo real que poderiam estar resolvidos com tecnologia.

Reflitam. Precisamos entender de uma vez por todas que tecnologia está em tudo.

Repense como você bebe

Pessoal, dessa vez a dica é de amiga meeesmo, assunto que a gente só divide com quem a gente gosta. Eu conheci e estou fazendo uso de um sistema inteligente de bebidas,​ o Drinkfinity. Noooossa… estou in love!
Drinkfinity é uma bebida que se adapta a você em qualquer hora, formado por um​a garrafinha que é chamada de Vessel e ​tem vários Pods​, que são cápsulas com diversos sabores maaaras.
​Aí, você enche seu Vessel com água filtrada e insere o Pod que ​contém ingredientes líquidos e sólidos. Os ingredientes líquidos garantem o sabor, enquanto os sólidos garantem as funcionalidades.​ Veja só como é demaaais!!!​

Dentro da família Drinkfinity, há quatro linhas de Pods que atendem a funções específicas do dia de cada pessoa. Cada linha tem três sabores que foram desenhados de acordo com o paladar d​e todo mundo​:

Live your Day, com vitamina C e zinco – o impulso para seguir em frente com o pé direito; nos sabores Abacaxi Pitaia, Banana Açaí e Limão Gengibre;
Take a Break, com camomila e cidreira – para um momento de pausa em um dia corrido; nos sabores Pêssego Branco, Frutas Tropicais Gengibre e Uva Amora;
Energy, com cafeína e complexo B – oferece uma dose extra de energia; nos sabores Romã Ameixa, Grapefruit Erva Mate e Maçã Guaraná;
Exercise & Play, com eletrólitos – para repor sais minerais perdidos durante a atividade física; nos sabores Grapefruit Erva Mate, Maçã Guaraná e Limão Gengibre.

Particularmente, eu não coloco mais nada. Só água filtrada e o pod. Não precisa de nenhum incremento! Tá tudo o que eu preciso pra me abastecer de forma inteligente. O processo é simples e entrega em todo Brasil.
​Claro que eu consegui uns cupons desconto para vocês, né!?!
Então, entre em http://www.drinkfinity.com.br, loja online, ins​ira o cupom ​CamilaD8 ​e realize sua compra.

Aí depois, me conte se eu tenho ou não razão de estar encantada…​