# Vaga de Desenvolvedora

Olá! A Swipe está procurando desenvolvedoras  para se juntar à missão de revolucionar a forma como o dinheiro é movimentado no Brasil e no mundo.

 

Sobre a Swipe:

Uma empresa focada em pagamentos, open-banking e blockchain! A plataforma da Swipe possibilita empresas criarem suas carteiras ou contas digitais de forma simples e rápida. Além da API, integram com vários parceiros para diminuir a complexidade de entrada no mercado.

Sobre a vaga:

– O modelo de contratação é PJ;

– Temos vagas para níveis de experiência diferentes (júnior, pleno e sênior);

– NÃO é necessário conhecer todas as tecnologias do nosso stack, procuramos pessoas dispostas a aprender.

Quais serão suas principais responsabilidades na Swipe?

– Criar soluções de alto impacto que resolvam problemas reais e serão usadas tanto por clientes, quanto pela equipe;

– Colaborar com toda a equipe na evolução da nossa API;

– Ajudar na criação e desenvolvimento de novos produtos;

– Sempre procurar as melhores práticas em desenvolvimento, alinhadas às estratégias de negócio.

Nosso Stack:

– NodeJS

– React ou React Native ou Flutter

– Postgres (ou qualquer outro banco de dados relacional)

– AWS e Docker

– Desenvolvimento orientado a testes (TDD)

– DLT / Blockchain

Requerimentos:

– Vontade de aprender novas tecnologias;

– Proatividade, comprometimento e trabalhar bem em equipe;

– Full Stack básico.

Diferencial:

– Conhecimento sobre fintechs e meios de pagamento;

– Ser entusiasta de tecnologias open-source.

Venha ser um@ Swiper!

Se tiver interesse, por favor envie o seu currículo, Github e faixa salarial para [vagas@swipetech.io]

The MBA Tour – Você precisa conhecer!

Escolher uma instituição e vivenciar um MBA no exterior é um sonho de vários brasileiros, e é claro que isso é possível.
Os programas buscam incentivar o trabalho em equipe com alunos de diversas nacionalidades em sala, favorecendo a troca de experiências, estimulando a clareza comunicacional, promovendo a criação de uma cultura de feedback a partir de professores e alunos e formando líderes. Um MBA contribui para o desenvolvimento das soft skills, ou habilidades comportamentais. Se for feito no exterior, tem o benefício adicional da diversidade, fator que enriquece a experiência ao mesmo tempo que a põe à prova. A ampliação do networking com colegas e professores de diferentes nacionalidades cria profissionais flexíveis, empáticos, aptos a entenderem a diversidade. A capacidade comunicacional é expandida, seja por meio da compreensão de leis e regras multinacionais, seja pela capacidade de se adaptar a diferentes situações delicadas.
Segundo o Wall Street Journal, 75% das pessoas que fazem um MBA acabam trocando de área e vendo seu salário dobrar – um quarto (25%) dessas pessoas, escolhe tecnologia;
De acordo com estudo do EMIS Insights, O Brasil é o 9º maior mercado do mundo de TI, com vendas de hardware, software e serviços globais que representam 1,9% do total mundial.  Hoje, as empresas têm buscado cada vez mais profissionais que contribuam também para suas estratégias de negócios e não apenas nas questões tecnológicas. Em razão disso, aqueles que conseguem reunir conhecimentos de TI com habilidades de relacionamento interpessoal e gestão serão mais valorizados perante o mercado.  
Como indica o relatório sobre Tendências Globais de Talento (2019), divulgado pelo Linkedin, apesar de as hard skills – habilidades técnicas – ainda serem valorizadas, existe uma busca cada vez mais forte por habilidades comportamentais compatíveis com a área de atuação do profissional. No Brasil, 95% dos profissionais das áreas de talento confirmam a importância das ‘soft skills’ para suas empresas.
Minha grande dica de ouro é a feira The MBA Tour, que permite aos candidatos conhecerem o perfil das universidades sem terem que sair do Brasil para isso, fazendo com que a escolha fique mais assertiva. Hult International Business School, IE Business School e University of Manchester, entre várias outras, estarão em São Paulo no dia 17 de agosto e no Rio, no dia 19. Interessou? Entre no link e saiba como estar presente nesse evento que pode mudar a sua vida!

“As Mulheres e as Tecnologias” em 35 unidades do Sesc SP

O Sesc SP escolheu o mês de setembro para propor uma intensa programação que promove o fortalecimento e a valorização da autonomia feminina. Ao reunir 116 atividades no projeto “As Mulheres e as Tecnologias”, a instituição dá visibilidade ao trabalho já desenvolvido por mulheres nas áreas da ciência, artes e alta tecnologia.  As oficinas, cursos, palestras e bate-papos, que serão realizados até 30 de setembro em 35 unidades da capital, interior e litoral do estado de São Paulo, consolidam uma programação cada vez mais igualitária, representativa e diversa.

A ampla programação reflete a vocação do Sesc em atuar com diversidade e pluralidade, proporcionando atividades para várias faixas etárias, com sua política de educação não-formal, em uma programação majoritariamente gratuita. Os ETAs, que já realizam atividades relacionadas à tecnologia e arte para o público em geral durante todo ano, recebem no mês de setembro uma programação especial feita por mulheres para mulheres, destacando o exercício da autonomia feminina.

As ações serão realizadas nas salas-laboratórios do ETA – Espaços de Tecnologias e Artes – área do Sesc que se dedica às práticas educativas e de desenvolvimento artístico que utilizam suportes tecnológicos e/ ou digitais. As atividades misturam processos e materiais de alta tecnologia com ferramentas manuais, explorando possibilidades em áreas como audiovisual, design, games, fotografia e editoração, passando pela marcenaria e reparos domésticos.

Para potencializar estas vivências, o Sesc convidou mulheres representativas dos cenários de tecnologia, audiovisual, fotografia, discotecagem e do segmento faça você mesmo para trocar experiências com as participantes. O evento é uma oportunidade para o público ter contato com grandes histórias e grandes mulheres.

“Os Espaços de Tecnologias e Artes do Sesc são o lugar da criatividade e da diversidade. Recebemos todo tipo de público interessado em cursos e oficinas relacionados ao universo do fazer, da mão na massa. Contamos com a participação de um crescente público feminino. No entanto, temos percebido  que não basta apenas incentivar a participação de meninas e mulheres nessas atividades como também estabelecer um ambiente em que elas se sintam representadas e que transmita segurança para que elas possam expor suas dúvidas, experimentar técnicas, discutir e construir coisas que lhes interessam.” Juliana Braga, gerente de Artes Visuais e Tecnologias do Sesc SP.

 

• Programação Completa:

Capital e Grande São Paulo

 

 

Sesc 24 de Maio

Debates

Cultura DJ – As mulheres atrás das pick-ups

Cientista social e pesquisadora musical, a DJ Julia Weckelman apresenta a pesquisa que fez em maio de 2018 com Mulheres DJs de diversas cenas, idades e regiões do Brasil, e convida para um bate-papo três DJs que trarão suas experiências e percepções sobre ser mulher no universo da discotecagem. Com Sônia Abreu, conhecida como a primeira mulher DJ do Brasil, Vivian Marques, DJ ligada ao hip-hop e black music, que fomenta a atividade através de cursos e oficinas voltadas às mulheres, e Amanda Mussi, produtora musical e DJ da cena queer e eletrônica;

15/9, sab, das 15h às 17h.

 

Futuros Possíveis

Quatro mulheres encaram o desafio de pensar o futuro e compartilhar suas pesquisas e práticas, relacionando gênero, mercado de trabalho, tecnologias e artes.

Com Lídia Zuin, pesquisadora de semiótica, artes visuais, inovação e futurismo; Fabiane M. Borges, pesquisadora de arte, tecnologia e subjetividade, com foco em tecnoxamanismo; e Joana Mendes, redatora publicitária, pesquisa a relação entre feminismo, raça e publicidade. A mediação é da futurista Vanessa Mathias, fundadora da White Rabbit.

30/9, dom, das 15h às 17h

 

Oficinas

Skecthbook Digital: Pintura digital em dispositivos móveis

Aula aberta voltada à experimentação de pintura digital criada com o uso de aplicativos em dispositivos móveis, como tablets e smartphones.

Com Tatiane Colevati, artista plástica, especialista em História da Arte, Mestra em Artes Visuais e educadora de Tecnologias e Artes no Sesc SP

5, 6 e 15/9, qua, qui e sab, das 14h às 17h | encontros independentes

14 anos | Grátis

Inscrição presenciais na unidade.

 

Marcenaria Básica PARA Mulheres e COM Mulheres

Propõe apresentar as ferramentas e as técnicas para a construção de um banco, passando por todos os processos de montagem e acabamento.

Com as Lumberjills – Fernanda Sanino e Letícia Piagentini

15, 22 e 29/9 e 6/10, sáb, das 10h às 13h | Duração: 4 encontros

18 anos | R$ 24 / R$ 12 / R$ 7

Inscrição presenciais na unidade.

 

Sesc Avenida Paulista

Cursos

 

Criação de Videoarte

Os participantes poderão conhecer as ferramentas básicas para a criação de uma videoarte, tomando conhecimento de técnicas e estéticas básicas da linguagem audiovisual para criar seus próprios trabalhos dentro dessa linguagem.

Com Lucila Meirelles, videoartista, diretora e roteirista de vídeo e TV.

Dias 15, 16, 22 e 23/9, sáb e dom, das 14h30 às 18h30 | Duração: 4 encontros

16 anos | Grátis

Inscrição no primeiro dia da atividade, a partir das 9h30, no balcão de atendimento do 4º andar

Manda Nudes (Seguros)!

Com uma abordagem simples, o curso trabalha a segurança digital a partir da prática de enviar nudes. Apresenta alguns aplicativos e traz exemplos de táticas divertidas e acessíveis.

Com Carla Jancz, formada em Segurança da Informação, trabalha com segurança digital para o terceiro setor e com treinamento em tecnologia livres, cultura maker redes autônomas, difusão de cultura hacker e criptografia na Actantes.

29/9, sáb, das 10h às 17h

18 anos | Grátis

Inscrição no primeiro dia da atividade, a partir das 9h30, no balcão de atendimento do 4º andar

Introdução à Programação Front-end

Oficina de iniciação e programação mão na massa, apresentando o que é programação, a lógica por trás dela e como começar e continuar a sua prática. Serão abordadas também comunidades de tecnologia e a importância de projetos de código aberto (open source).

Com Carol Soares, desenvolvedora front-end e criadora do Lovelace Podcast.

30/9, domingo, das 10h às 17h

14 anos | Grátis

Inscrição no primeiro dia da atividade, a partir das 9h30, no balcão de atendimento do 4º andar

Oficinas

Sex Hacking

Encontro que propõe discutir os rumos da relação entre tecnologia e sexualidade, e apresentar meios e formas de criar os próprios aparatos tecnológicos para o prazer.

Com Rita Wu, designer, pesquisadora e artista, que trabalha com tecnologias digitais desde 2008.

15 e 16/9, sáb e dom, das 10h às 13h | encontros independentes

18 anos | Grátis

Retirada de ingressos com 30 minutos de antecedência no balcão de atendimento do 4º andar

VRock360 – Acervo 360º

Apresentação do VRock360, projeto com código aberto que tem como objetivo difundir um acervo de imagens criadas em 360º de elementos arqueológicos, geológicos e arquitetônicos para fins educacionais.

Com Bruna Gonçalves, desenvolvedora de sites, idealizadora do VRock360, entusiasta da mixed reality e apaixonada por arqueologia e cavernas.

29/9, sáb, das 14h30 às 17h30

Livre | Grátis

Retirada de ingressos com 30 minutos de antecedência no balcão de atendimento do 4º andar.

Sesc  Belenzinho

Cursos

IoT – Internet das coisas com Arduino

Introdução aos princípios básicos da conexão de objetos do mundo físico à internet. A atividade envolve exercícios práticos com o software App Inventor e a placa microcontroladora Arduino.

Com Vanessa Pereira, designer multimídia, mestre em Artes, idealizadora do Projeto LINCE e educadora de Tecnologias e Artes no Sesc SP.

11, 18, 25/9 e 2/10, ter, das 10h às 12h | Duração: 4 encontros

16 anos | Grátis

Inscrições presenciais na unidade. Credencial plena: 4/9. Público em geral: 7/9.

Filmes e Câmeras Fotográficas

Introdução às técnicas de fotografia com filme fotográfico e câmera 35 mm, incluindo estudos de recursos como foco, diafragma, velocidade, ISO e sensibilidade do filme.

Pré-requisito: trazer câmera fotográfica analógica com recursos manuais (câmera reflex – SLR).

Com Beth Lee, fotógrafa de produtos, laboratorista e orientadora em cursos técnicos e livres de fotografia.

12/9 a 3/10, qua, das 19h às 22h | Duração: 4 encontros

16 anos | Grátis

Inscrições presenciais na unidade. Credencial plena: 4/9. Público em geral: 7/9.

Conserto e manutenção básica de computadores

Curso para aprendizado básico sobre itens e peças que compõem os computadores e formas simples para realizar pequenos consertos.

Com integrantes do Infopreta, empresa precursora da diversidade no universo tecnológico.

18, 20, 25 e 27/9, ter e qui, das 19h às 22h | Duração: 4 encontros

16 anos | Grátis

Inscrições presenciais na unidade. Credencial plena: 4/9. Público em geral: 7/9.

Debate

Desenvolvimento de tecnologias a favor das mulheres

Priscila Gama, fundadora do Malalai, aplicativo para segurança pessoal feminina, e Maitê Schneider, criadora do TransEmpregos, plataforma que reúne vagas para pessoas transgêneros, apresentam suas experiências na criação e produção de plataformas digitais que ajudam mulheres a enfrentar questões de gênero e sexualidade. Mediação de Iana Chan, jornalista do portal PrograMaria.

13/9, qui, às 20h

16 anos | Grátis

Inscrições 30 minutos antes da atividade

Oficinas

Faxina boa: limpeza em casa e nas redes sociais

Oficina com dicas de limpeza e manutenção de equipamentos eletrônicos, além de orientações sobre como realizar divulgações profissionais nas redes sociais.

Com Verônica Oliveira, diarista e criadora das páginas Faxina Boa no Instagram e Facebook.

15/9, sáb, das 15h às 17h

14 anos | Grátis

Inscrições 30 minutos antes da atividade

Faça seu game!

Utilizando o software livre Scratch, no qual a programação das ações é feita de maneira semelhante à montagem de um quebra-cabeça, crianças poderão aprender a desenvolver seus próprios jogos eletrônicos, escolhendo personagens e sons.

Com Vanessa Pereira, designer multimídia, mestre em Artes, idealizadora do Projeto LINCE e educadora de Tecnologias e Artes no Sesc SP.

16/9, dom, das 14h30 às 16h30

8 anos | Grátis

Inscrições 30 minutos antes da atividade

Sesc  Bom Retiro

Palestra

PyLadies São Paulo: Como aprendemos e compartilhamos Python

O PyLadies São Paulo busca iniciar mulheres na prática da programação usando o Python, linguagem bastante intuitiva e simples para o primeiro contato com programação, e dar base para que as iniciadas aprofundem seus conhecimentos com diversos projetos. Esta palestra apresentará as ações do Pyladies e os conteúdos que serão desenvolvidos ao longo da oficina “Iniciação à lógica de programação com Python”.